quinta-feira, 26 de novembro de 2009

e-mail do durvalino:

o menino aí é bom.
não conheço ele pessoalmente.
ele, junto com um amigo professor de literatura,
o wanderson torres,
estão fazendo uma revista na rede
chamada desenredos.
todos dois são professores e poetas dedicados.
te mando esse poema aí que me tocou muito,
pois é muito bom e muito nosso.
eles são amigos do ranieri ribas que vc publicou.
o endereço da revista vai aí embaixo.
se for o caso, entra em contato com eles
e bota o link deles no nauta,
pois eles merecem, eu acho.
dê uma olhada e depois me diga.

duda
...........................................................


as capas os discos

ontem eu vi o disco da vaca à venda na galeria
onde há muito naqueles campos estranhos me perdi
entre os riscos do vinil motocicleta e sinfonia

ontem eu vi um velho em um quadro carregando lenha
adornando em parede destroçada a capa de um álbum
e a iluminada escuridão de um dirigível de chumbo

ontem eu vi o álbum branco que depois de muitos anos
pude perceber as matizes dispersas de suas cores
e seu discreto nome de besouro impresso em relevo

mas há muito dispostos em silêncio seus sons evocam
sonora imagem retida na retina da memória



Adriano Lobão Aragão é poeta e professor, autor de Uns Poemas (1999), Entrega a Própria Lança na Rude Batalha em que Morra (2005) e Yone de Safo (2007).



http://www.desenredos.com.br/

Um comentário:

João de Deus Netto disse...

Edmar, sem querer enredar, mas já enredando: os meninos lá do nosso Piauí fizeram um ótimo blog mas esqueceram as imagens (fotos, ilustrações). E agora, desenredando: já pensou, como o site ficaria mais paidégua, visto que lá nós temos artistas gráficos, plástico e fotógrafos que chega a ir ali pertinho do troca-troca? No mais, é como diz o Ancião: "vamo trabaiá"!