quinta-feira, 8 de outubro de 2009

Haikai

Cinéas Santos


Nunca mais fiquei a sós:
Estás em mim,
Já não sou eu; somos nós.

Um comentário:

João de Deus Netto disse...

Edmar, o negócio aqui tá com sabor de ostra, afrordozico: primeiro a Keula, agora o Cineas... Deixa eu ir ali na porta, nesta primavera de Praga aqui de Curitiba. Friozinho calmaaante...